Juris Poiesis - Qualis B1, Vol. 18, No 18 (2015)

Tamanho da fonte:  Menor  Médio  Maior

A EDUCAÇÂO AMBIENTAL COMO MEIO DE CONCILIAÇÃO DA INTRICADA RELAÇÃO ENTRE A PROPRIEDADE INDUSTRIAL E A SUSTENTABILIDADE

Gustavo Vieira Silva, Paula Vieira Silva e Fidelis

Resumo


Resumo

Sabe-se que a degradação ambiental está colocando em risco não só o meio ambiente, mas a própria existência humana. De fato, na sociedade da informação, ao mesmo tempo em que se verificam diversos benefícios, percebe-se que as pessoas são levadas ao consumo patológico, o que vem afetando de forma drástica o planeta. Lado outro, nesta mesma sociedade, vem se notando que as inovações tecnológicas poderiam contribuir para a conquista do ambiente sadio. Contudo, estas tecnologias são titularizadas pelas empresas, o que dificulta sua difusão. Neste ponto, é apresentada a educação ambiental como uma forma de harmonizar este conflito.

Palavras-chave: Educação ambiental; inovações; sustentabilidade.

 

Abstract

It is known that environmental degradation is endangering not only the environment but human existence itself. Indeed, in the information society at the same time where there are many benefits, it is clear that people are brought to the pathological consumption, which has affected drastically the planet. Other hand, this same society has been noting that technological innovations could contribute to the achievement of healthy environment. However, these technologies are securitized by the companies, which hinders its diffusion. At this point, environmental education is presented as a way to harmonize the conflict.

Keywords: Environmental education; innovations; sustainability.


Texto Completo: PDF

Creative Commons License
This work is licensed under a Creative Commons Attribution 3.0 License.

 

Mestrado e Doutorado em Direito - UNESA

Av. Presidente Vargas, 642 - 22o andar. Centro

Rio de Janeiro - RJ - CEP: 20071- 001

Tel. 21-22069743